Relembre avanços de Cabreúva na área da Saúde Mental - Prefeitura de Cabreúva
        
        
        
        
        
        
        
        
        
        
        
                

        
        
        

        
        
        
        
        
        

        
        

        
        

        
        
        
                        
        

		
		


    



Ir para o conteúdo

Tamanho do Texto

Contraste

Cadastre e receba
nossa newsletter:

Notícias - Home

10 OUT

Relembre avanços de Cabreúva na área da Saúde Mental


O Dia Mundial da Saúde Mental é celebrado em 10 de outubro, data criada 1992 pela Federação Mundial de Saúde Mental (World Federation for Mental Health) com o objetivo de chamar a atenção pública para a questão da saúde mental e identificá-la como uma causa comum a todos os povos, além de combater o preconceito e o estigma à volta da saúde psicológica é outro dos objetivos do dia.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera a saúde mental uma prioridade.

Cabreúva avançou nessa área nos últimos anos: em dezembro de 2015, a Secretaria de Saúde inaugurou o Centro de Referência à Criança e Adolescente (CRICA), que funciona no Jacaré e conta com uma equipe interdisciplinar (psicólogas, psiquiatra, psicopedagogas) da Saúde e da Educação. “Antes dessa inauguração, o atendimento de crianças e adolescentes acontecia no mesmo ambiente que o atendimento dos adultos. O local hoje é muito mais adequado. As equipes têm feito trabalhos incríveis, dentre os quais eu destaco as ações com os adolescentes, como o Setembro Amarelo de prevenção ao suicídio”, disse Claudia Montanari, coordenadora do Setor de Saúde Mental.

Em janeiro de 2018, dando continuidade aos investimentos na Saúde Mental, foi inaugurado o Novo Ambulatório de Saúde Mental, no Centro, juntamente com o serviço do Caps, que é o Centro de Atenção Psicossocial. “O que mudou com a inauguração do Caps é que, agora, o atendimento acontece tanto no âmbito ambulatorial, com psicólogos e psiquiatras, quanto com outros profissionais. O paciente é atendido por enfermeira, assistente social, terapeuta ocupacional, farmacêutica e recebe um tratamento mais amplo, com atividades e socialização. O modelo de Caps é o melhor que existe”, explicou Cláudia.

Além disso, desde 2015 a equipe promove os grupos antitabaco, que já ajudaram pacientes do Centro, Novo Bonfim, Pinhal, Vilarejo, Bananal e no Jacaré a pararem de fumar ou diminuírem o consumo. “Cerca de 500 pacientes já passaram pelo programa”, garante a psicóloga Kateri Rodrigues, responsável pelo projeto.

Segundo a Secretaria de Saúde, o atendimento em Saúde Mental irá evoluir ainda mais com a equipe do Núcleo de Apoio da Saúde da Família (Nasf), que contribuirá com a ponte entre a especialidade e a Atenção Básica.

 

Compartilhar :
Twitter
Imprimir
Assuntos relacionados: saúde mental
Autoria: Jaqueline Rosa
» Todas as notícias

Ultimas Notícias

19 NOV

Unidades de saúde convidam pacientes para ações do ?Novembro Azul?

19 NOV

Prefeito entrega mais sete veículos para a Saúde

19 NOV

Avisos de Licitação - 19 de novembro de 2019

Reportar erro!

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente
Cabreúva
Prefeitura Municipal de Cabreúva - Rua Floriano Peixoto, 158 - Centro - Cabreúva - SP
Todos os direitos reservados © 2019 - Desenvolvimento Imagenet Tecnologia.