Ir para o conteúdo

Tamanho do Texto

Contraste

Cadastre e receba
nossa newsletter:

Cabreúva

Notícias - Home

28 MAR

Professoras visitam Base Ecológica na Serra do Japi


Atualizado em 28 Mar 2018 às 11h

Um grupo de professoras dos quintos anos da rede municipal comemorou de forma muito especial os 35 anos de tombamento da Serra do Japi: as professoras participaram de uma excursão à Base de Estudos de Ecologia e Educação Ambiental ‘Miguel Castarde’. A base está localizada no bairro da Malota, em Jundiaí – para onde foram as educadoras.

O ‘passeio’ foi organizado pela equipe da Secretaria de Meio Ambiente, Obras e Serviços Urbanos, com apoio da Secretaria de Educação. Coube à superintendente da Fundação Serra do Japi, Vânia Plaza Nunes, receber as visitantes e acompanhar a delegação cabreuvana por uma das trilhas existentes na Base. Vânia estava acompanhada, ainda, pelo biólogo Ronaldo Pereira.

Ela explicou que o local recebe visitantes em grupos que requerem agendamento prévio, falou sobre as diversas dinâmicas e demandas que têm surgido no entorno da Serra, lembrou que o local contém inúmeras espécies importantes da nossa fauna e flora e enfatizou, ainda, que a Base tem recebido, com alguma frequência, pesquisadores de instituições como Unicamp, USP e Unesp, além de universidades federais de outros Estados, em busca de informações sobre diversos temas.

“A Serra do Japi já foi objeto de estudos de mais de 240 pesquisas”, informou. Como exemplo, ela apresentou às professoras cabreuvanas uma mestranda em Ecologia da Universidade de Campinas. A jovem, que se identificou como Veridiana, está pesquisando uma espécie de borboleta de asa translúcida.

Vânia lembrou outro aspecto fundamental: o de que a Fundação Serra do Japi tem um comitê entre os quatro municípios (Jundiaí, Cabreúva, Cajamar e Pirapora do Bom Jesus) que prevê a gestão compartilhada da Serra.

A secretária de Meio Ambiente de Cabreúva, Rosimeire Rabelo Santos Timporim, explicou que o objetivo de propor a visita à Serra foi propiciar, aos professores municipais, uma nova e aprofundada experiência. “A ideia foi oferecer, às professoras que já participaram do programa ‘Roteiro das Águas’, um aprofundamento nas questões da Serra do Japi, com uma experiência que possa ser compartilhada com os respectivos alunos”, disse Rosi.

A experiência foi bem sucedida e mereceu aplausos das professoras. Foi o caso, por exemplo, da professora Viviane Prestes, da EmebIrva Ávila Pavani, do Bananal. “Com certeza, vamos aproveitar muito do que vimos aqui hoje. E curiosamente, em minha aula de hoje de manhã, conversei com meus alunos sobre povoamento, formação de estradas e de núcleos – assuntos que também vimos aqui, em nosso passeio monitorado”.

Ao final do encontro, a superintendente da Fundação Serra do Japi colocou o local à disposição dos educadores de Cabreúva. “Este é um espaço para discutirmos, para termos ideias e para lançarmos sementinhas – seja entre nós ou entre nossos alunos”, comentou Vânia Plaza Nunes.

Compartilhar :
Twitter
Imprimir
Fonte: Decom Cabreúva
Autoria: Carlos Santiago
» Todas as notícias

Ultimas Notícias

17 MAI

Boletim da Dengue: Cabreúva tem 515 casos confirmados

17 MAI

Inscrições abertas para o concurso Miss e Mister Melhor Idade 2024

17 MAI

COMTUR se reúne e discute revisão do Plano Diretor de Turismo

Reportar erro!

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente
Cabreúva
Prefeitura Municipal de Cabreúva - Rua Floriano Peixoto, 158 - Centro - Cabreúva - SP
Todos os direitos reservados © 2024 - Desenvolvimento Imagenet Tecnologia.